Domingo , 30 de Agosto de 2015
 
Candeias
Publicada em 28 de Agosto de 2015 ás 13:48:52

Candeias: Termina nesta segunda, 31, a campanha de vacinação contra a pólio e multivacinas

Divulgação

A campanha nacional de vacinação contra a poliomielite, também conhecida como paralisia infantil, terminará nesta segunda-feira (31). A Secretaria da Saúde de Candeias alerta que crianças com mais de seis meses e menos de cinco anos de vida devem receber a dose da vacina. Com o mesmo prazo, a campanha de multivacinação pretende regularizar a Caderneta de Vacinação das crianças que deixaram de tomar alguma outra vacina. Somente da pólio, cerca de 3.400 crianças devem ser imunizadas em Candeias.

De acordo com o Ministério da Saúde, a vacina contra a poliomielite é segura e consegue proteger a criança contra os três sorotipos do poliovírus (1, 2 e 3). Como não existe tratamento para a poliomielite, a vacina é a única forma de prevenção e sua eficácia é de 90 a 95%. Crianças com tosse, gripe, coriza, rinite ou diarreia também podem ser vacinadas. Apenas as crianças com infecções agudas, febre acima de 38ºC ou com hipersensibilidade a algum componente da vacina devem ser consultadas por um médico para avaliar a recomendação da vacina.

Para receber a dose, a criança deve ser levada até à unidade de saúde do seu bairro ou distrito, de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas, junto com a Certidão de Nascimento e Caderneta de Vacinação.

Poliomielite

A poliomielite é uma doença infectocontagiosa grave causada pelo poliovírus, que na maioria dos casos não provoca óbito, porém a criança fica acometida de sérias lesões que implicam no sistema nervoso, causando paralisia irreversível, principalmente nos membros inferiores. Normalmente, a infecção do poliovírus se dá por via oral.

Desde o ano de 1990, o Brasil está livre da doença, entretanto, para que o país continue com essa liberdade, a vacina é imprescindível, ainda mais por ser a poliomielite uma doença endêmica.

A campanha deste ano pretende imunizar 12 milhões de crianças em todo o Brasil.

Multivacinação

O período de 15 a 31 de agosto também trouxe a Campanha Nacional de Multivacinação, que visa a atualização do esquema vacinal, que tem como público-alvo as crianças menores de cinco anos. A ideia é que em um único momento sejam ofertadas várias vacinas ao mesmo tempo, sendo uma oportunidade de colocar a Caderneta de Vacinação da criança em dia. As doses atrasadas serão aplicadas ou agendadas, conforme situação da criança.

 

Mais Notícias
Editora Jornal Folha do Recôncavo - Todos os direitos reservados
Rua Alfredo Silva Serra, 114 - centro - Candeis - Bahia
Fone (71) 3601-9220 / 8232-2041 / E-mail: leiabahia@oi.com.br